Você está aqui: Página Inicial O Instituto Quem somos Epitacio José Brunet Paes, M.Sc.

Epitacio José Brunet Paes, M.Sc.

Conselheiro Fiscal do INEI

É consultor da PUC-Rio/NAT (Núcleo de Assistência Técnica)/Petrobras atuando na Coordenação do desenvolvimento e implantação de Sistema de Indicadores de Sustentabilidade (Social, Ambiental, Econômico e Institucional) no município de Resende, RJ (2008/2009). 

Entre 2003 e 2008, foi pesquisador e articulista em Chicago, IL, Estados Unidos na redação de artigos para publicação em seminários e painéis nos Estados Unidos e Brasil e Pesquisador da Fundação Ernest Hemingway. Oak Park IL, Estados Unidos na área de História, e trabalhou como Consultor da CVC Enterprise. Chicago, IL, Estados Unidos na área de investimento no Brasil.  

Em 2003,  foi Diretor Presidente da Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa, FAPERJ, e entre 2000 e 2002, foi Diretor Científico da  Associação Nacional de Instituições Estaduais de Pesquisa e Estatísticas, ANIPES.  Também foi Diretor Presidente da Fundação Centro de Informações e Dados do Estado do Rio de Janeiro, CIDE,  Rio de Janeiro, atuando na ampliação do Programa de Geo-Referenciamento, com aquisição de novas bases cartográficas; Implantação da área de análises econômicas regionais; implantação dos Índices de Qualidade Municipal sobre a cobertura vegetal, sustentabilidade fiscal, necessidades habitacionais, e qualidade de vida, entre outros. 

Atuou como consultor pela Empresa JCeS (contratada da MetroRio) para estudos relativos à expansão do Metrô Linhas 2 e 4. e como Consultor Autônomo para Empresas na área de saúde na adoção de novas tecnologias de produção e estratégias de comercialização. 

Foi Vice-Presidente do Grupo Executivo de Recuperação e Obras de Emergência do Estado do Rio de Janeiro, GEROE. atuando no desenvolvimento de soluções estruturais em resposta a grandes emergências; gerência de recurso de $400 milhões provenientes do Banco Mundial, Caixa Econômica e Governo do Estado; reestruturação do programa ‘Reconstrução do Rio’; coordenação da construção de 8000 unidades residenciais e reassentamento das famílias; representação do Governo do Estado frente ao Banco Mundial em Washington.

Entre 1986 e 1989 foi Diretor Executivo do Departamento Geral de Documentação e Informação Cultural junto à Secretaria Municipal de Cultura do Rio de Janeiro, e de 1984 a 1986 foi Diretor Executivo do Planetário da Cidade do Rio de Janeiro. 

Possui vasta experiência profissional junto à ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Direção executiva; Planejamento estratégico; Liderança de equipes; Integração interinstitucional; Definição de metas; Formulação de meios multimodais; Administração de recursos materiais; Administração de sistemas de avaliação e controle; Gerência e análise de projetos; e Representação internacional.

Ações do documento
Share |
« Julho 2017 »
Julho
DoSeTeQuQuSeSa
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031
Acessar


Esqueceu sua senha?
Novo usuário?